Pesquisa na web

22/10/2018

Concurso Nacional de Leitura

Apelamos a todos os alunos do 4º , 5º e 6º anos, para se inscreverem no Concurso Nacional de Leitura.   A 1ª Fase realizar-se-á nos dias 26 (2º ciclo) e 27 (4º ano)

As obras selecionadas foram: obra destinada aos alunos do 4º ano é:

 - 4º ano - "Missão Impossível" - Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada

- 5º e 6º anos - " Os Heróis do 6º F" -  António Mota

Podem inscrever-se na Biblioteca Escolar e /ou junto dos vossos Professores de Português.

PARTICIPA!

Aumenta os teus conhecimentos e a tua compreensão leitora. 

Precisamos de vocês para representarem a nossa escola.




18/10/2018

História " Amor com Amor se Paga"

Tendo em conta o tema do Mês Internacional da Biblioteca Escolar

a BE escolheu o livro "Amor com Amor se Paga".

Para ser mais fácil para a elaboração dos trabalhos que sugerimos, aqui fica a história.

Esperamos que aceites o nosso desafio.

Participa!




Os Fantásticos Livros Voadores do Sr. Morris Lessmore


Comemoração dos 20 anos da RBE


04/10/2018

Teatro no Parque Aquilino Ribeiro

No âmbito do Projeto Artístico "Outono Quente" e, para começar da melhor maneira o Mês Internacional da Biblioteca Escolar, as turmas do 1.º , 2.º e 4.º anos da Escola de Vildemoinhos e as turmas do 4º ano da Escola João de Barros foram ao Parque Aquilino Ribeiro assistir à peça de teatro "Anikibebé" e " No tempo da menina dos cabelos brancos", respetivamente.

Obrigada aos professores por terem aceite a proposta da BE. 

Obrigada à turma do 4.º A de Vildemoinhos que registou a sua participação e à aluna Matilde Amaro do 4º B da escola João de Barros pelo texto que escreveu sobre esta atividade.

Deixamos aqui o registo destes dois trabalhos. 
                                       --------------------------------------------------

                        MIBE – Mês Internacional da Biblioteca Escolar

      Outubro é o Mês Internacional da Biblioteca Escolar. 
      Este ano a RBE escolheu o tema “Eu  a Biblioteca Escolar”. 

         Para assinalar esta época especial, a BE sugeriu que participássemos numa atividade no Parque Aquilino Ribeiro.
Apesar de já estarmos no outono, durante esta bela manhã de sol, do dia um de outubro, a nossa turma do quarto ano, juntamente com as turmas do primeiro e segundo anos da Escola Básica de Vildemoinhos, deslocámo-nos ao Parque Aquilino Ribeiro, onde assistimos ao espetáculo Anikibebé, apresentado pela Companhia Gira Sol Azul.
A encenação inspirou-se num clássico do cinema português, de Manoel de Oliveira, que se passou na cidade do Porto, na década de quarenta, em que as personagens eram meninos do rio. Durante a apresentação, todos nós fomos convidados a participar, cantando, dançando e até representando papéis, como os de polícia, ladrão, sacristão e burro (com umas orelhas grandes que se usavam nas escolas antigamente para castigar os meninos que não sabiam a lição). Ainda bem que esses tempos já lá vão!
Depois do espetáculo, lanchámos todos juntos ao ar livre, naquele espaço maravilhoso, à sombra de árvores frondosas e viçosas que nos presentearam com ar puro, tranquilidade e harmonia.
Antes de regressarmos à escola, visitámos uma exposição sobre a floresta, onde, para além de recordarmos aprendizagens da escola, ficámos mais conscientes de que devemos contribuir para a preservação da floresta devido à sua importância para todos os seres vivos.

            Na biblioteca escolar,
Aprendemos sobre a floresta,
Também se estuda a brincar,
Não há escola como esta!
                                                                                           
Texto coletivo:Turma do 4.º A – Vildemoinhos



-------------------------------------------------------------------------------------------------
 Ida ao teatro no Parque Aquilino Ribeiro

No âmbito da Comemoração do Mês Internacional das Bibliotecas Escolares, no dia 1 de outubro de 2018, fui assistir a uma peça de teatro, juntamente com a minha professora e os meus colegas. Ela realizou-se no Parque Aquilino Ribeiro e teve como título “No tempo da menina dos cabelos brancos”.
     Na peça participavam  duas personagens que eram a avó e o seu neto Pedrinho. Ela retratava as diferenças entre as brincadeiras que existiam no tempo da avó e as de hoje em dia.
     No tempo da avó, os meninos brincavam com os brinquedos que construíam, como por exemplo: o jogo do mikado, o jogo do pião, entre outros. Hoje em dia, brincam com brinquedos que os pais lhes compram (telemóveis, tablets, televisões…). Ou seja, no tempo da avó as crianças usavam mais a imaginação para realizarem as suas brincadeiras.
     A peça de teatro terminou com a avó e o seu neto a inverterem os papéis. Assim, a avó brincou com o tablet e o Pedrinho usou a imaginação para brincar com um cão imaginário.
     Eu gostei muito desta peça de teatro, porque fez-me perceber a importância de usarmos a imaginação e o pensamento na realização das nossas brincadeiras.


                                                                                                Matilde Amaro
                                                                                   Escola João de Barros – 4º B





01/10/2018

MIBE - Mês Internacional da Biblioteca Escolar

Mês de OUTUBRO = Mês da BE

Venham descobrir a vossa BE! Participem nos desafios que te propomos!

Estejam atentos!